CONTORNO CORPORAL

ABDOMINOPLASTIA

A abdominoplastia é uma técnica cirúrgica na qual o excesso de pele e gordura do abdome são removidos, podendo ser realizada a aproximação dos músculos abdominais que se encontram afastados, deixando o abdome mais firme e plano.

A abdominoplastia, segundo Drª Hexandra, é indicada para pessoas insatisfeitas com a aparência desproporcional do abdome, causada por depósitos de gordura localizada que não melhoram com exercícios ou dietas. Outras indicações para a cirurgia de Abdominoplastia podem ser quando o paciente passa por grandes perdas de peso, ocasionados por dietas bruscas ou que passaram por cirurgias bariátricas (redução de estômago) ou por excesso de pele e estrias pós- gestação.

É possível associar a abdominoplastia com outras cirurgias, sendo a mais comum com lipoaspiração. Podemos associar a abdominoplastia à mamoplastia redutora, prótese de silicone ou lipoaspiração. A possibilidade de associar mais de duas cirurgias plásticas ao mesmo tempo será avaliada pelo cirurgião, tendo em vista a extensão destas cirurgias.

LIPOASPIRAÇÃO E LIPOESCULTURA

A lipoaspiração tem por objetivo remodelar áreas específicas do corpo, melhorando o contorno corporal, fazendo com que a aparência fique mais proporcional. A lipoescultura, por sua vez, nada mais é que uma complementação da lipoaspiração, onde a gordura retirada é aproveitada em outra região do corpo. Ambas tem a finalidade de retirar o excesso de gordura localizada e remodelar as curvas corporais.

A Lipoaspiração é uma cirurgia simples, mas não é indicada para todos os casos. Não deve ser realizada quando há excesso de gordura generalizada, ou se a pele estiver muito flácida. Contrário ao que muitos pensam, a lipoaspiração não é feita para perder peso. E principalmente não deve ser realizada em consultórios.

O pós operatório da lipoaspiração precisa de certos cuidados: o paciente deve usar uma cinta de compressão por pelo menos um mês, e também fazer drenagem linfática para alcançar o resultado desejado.

REDUÇÃO DE MAMA – MAMOPLASTIA REDUTORA

Segundo a Dra. Hexandra Hertel, especialista em cirurgia plástica, a redução de mamas ou mamoplastia redutora é uma cirurgia que visa reduzir o volume das mamas, ou corrigir assimetrias, buscando sempre um tamanho que fique proporcional ao tronco.

A mamoplastia redutora é uma das cirurgias mais comuns dentre as cirurgias estéticas. Além de ser indicada para melhorar o aspecto estético da mama, também é indicada como recurso complementar no tratamento profilático de certas doenças da mama (casos especiais de tumores, etc.) ou como prevenção de problemas causados por mamas muito grandes (dores nas costas, limitações nos exercícios físicos, como também problemas psicológicos).

As cicatrizes finais da mamoplastia redutora dependerão do tamanho das mamas, de acordo com a Dra. Hexandra, tem a ver com peso/altura da paciente, se há tecido mamário prolongando-se para as axilas (às vezes continuando-se com depósitos de gordura das costas), pois esses fatores determinarão qual técnica cirúrgica será a mais adequada; além disso dependerá também da paciente não apresentar transtornos de cicatrização (como queloides ou hipertrofias) e seguir as orientações de pós-operatório.

Quase sempre uma das mamas é um pouco maior que a outra e um pouco mais pendente. Quanto maior a diferença entre elas, maior a diferença das cicatrizes, e maior a dificuldade da cirurgia plástica, pois sempre procura-se deixar as mamas mais parecidas possível.

MAMOPLASTIA DE AUMENTO – IMPLANTES DE SILICONE

A mamoplastia de aumento é a colocação de implantes de silicone nas mamas, conhecidos como próteses de mama. Os implantes mamários podem ser anatômicos (forma de gota) ou redondos de perfil baixo, alto ou super alto (forma de cone). A prótese mamária ideal para cada paciente varia de acordo com o tórax e desejo da paciente.

A Mamoplastia de Aumento é recomendada para pacientes que estão insatisfeitas com o tamanho de suas mamas e que procuram por uma melhora no aspecto estético da mama. A prótese mamária serve para aumentar o volume das mamas ou reconstruí-las após uma mastectomia (retirada das mamas), A mamoplastia de aumento não interfere na posição ou formato da mama.

A escolha do tamanho deve ser acertada juntamente com o cirurgião, que tem a experiência necessária para definir a que melhor se encaixa no perfil das pacientes. Mas uma vez,a Dra Hexandra lembra que a cirurgia deve ser realizada em hospital apropriado e que as recomendações pós-cirúrgicas deverão ser seguidas corretamente.

LIFTING DE MAMAS - MASTOPEXIA

O lifting de mamas ou mastopexia realizado pela Dra. Hexandra Hertel, especialista em cirurgias plásticas, ajuda a restaurar o equilíbrio psico-emocional das pacientes que sofreram alteração na forma dos seios devido à perda de peso, gestação ou amamentação.

O lifting de mamas é realizado para corrigir o que chamamos de ptose mamária, nos casos em que o tecido mamário e a pele perderam sua elasticidade devido aos fatores citados anteriormente. Nos casos de correção da ptose mamária, o lifting de mamas retira o excesso de pele e o seio é remodelado de acordo com a quantidade de tecido mamário presente. Em geral o tamanho da aréola também é reduzido. Há possibilidade de associar a ressecção de pele a uma inclusão de prótese para melhorar a forma ou dar mais consistência.

Assim como com os outros procedimentos de plástica de mama, é necessário seguir as instruções de pós-operatório para promover uma melhor cicatrização e evitar complicações.

GINECOMASTIA

A Ginecomastia é mais comum do que muitos pensam. Consiste no desenvolvimento anormal das mamas masculinas, sendo mais comum na adolescência, e persiste até a fase adulta. Tem vários fatores que podem causar ginecomastia, por isso é muito importante procurar um especialista, lembra a Dra Hexandra.

Em alguns casos realiza-se apenas uma lipoaspiração do excesso de gordura. No entanto o mais comum é que se associe a ressecção parcial da glândula mamaria. O resultado final leva a uma melhora na qualidade de vida pois o paciente retorna ao convívio social com uma cicatriz discreta e a autoestima recuperada.

LIFTING DE COXA (CRUROPLASTIA) – DERMOLIPECTOMIA DE COXA

O Lifting de coxa é muito procurado por pacientes que se submeteram a cirurgia bariátrica ou tiveram uma perda de peso muito rápida. A retirada do excesso de pele da região entre as coxas pode se associada ou não a lipoaspiração, com o objetivo de alcançar o melhor contorno corporal.

A cicatriz pode variar de tamanho dependendo da quantidade de pele em excesso, podendo ser restrita apenas a região da virilha ou estender pela parte interna da coxa até o joelho. Como resultado a paciente terá maior facilidade para deambular e desenvolver suas atividades diárias além do ganho estético.

LIFTING DE BRAÇO – BRAQUIOPLASTIA

Na braquioplastia, o objetivo é reduzir o excesso de pele e de gordura entre a axila e o cotovelo, remodelando o braço e deixando a pele mais lisa e com contornos suaves, resultando em aparência tonificada.

NINFOPLASTIA – PLÁTICA ÍNTIMA

A plástica intima é um procedimento muito procurado por mulheres que desejam não apenas melhorar o aspecto da região íntima mas também corrigir uma hipertrofia (aumento) de lábios que podem estar causando desconforto durante o ato sexual.

LOBULO DE ORELHA BÍFIDO – “ORELHA RASGADA”

As mulheres sabem o quanto um pequeno detalhe pode incomodar. O lóbulo de orelha bífido pode ser devido ao uso de brincos pesados, trauma ou uso de alargadores. A correção do lóbulo de orelha é um procedimento simples, podendo ser feito em consultório com anestesia local e de rápida recuperação.

RESSECÇÃO DE TUMORES CUTÂNEOS

Os Nevus cutâneos , ou sinais como são conhecidos, são lesões que podem evoluir para câncer de pele maligno, por isso é indicado a ressecção dos mesmos. Dependendo da localização ou extensão, o procedimento poderá ser feito em caráter ambulatorial.
×